• Rua Dezenove de Fevereiro, 163 - Botafogo - CEP: 22280-030 - Rio de Janeiro, RJ
  • contato@cpl.com.br
  • (21) 2266-4095

Sobre

O CPL tem o compromisso de oferecer, com a mais alta qualidade, o acesso à informação a pessoas que necessitam de recursos especiais, tornando-as capazes de promover o resgate de sua identidade e autonomia.

O CPL, criado em 1998, é uma empresa que iniciou sua trajetória com a produção de closed caption para programas gravados. Percebendo a possibilidade de contemplar um número ainda maior de pessoas com acesso à cultura, informação e entretenimento, a empresa expandiu sua atuação provendo novos recursos na área da acessibilidade, sem perder seu compromisso com a qualidade e o foco nas pessoas que precisam das tecnologia assistivas.

História da empresa

Nascido de um projeto da ARPEF – Associação de Reabilitação e Pesquisa Fonoaudiológica, instituição que trabalha desde 1986 com surdos e deficientes auditivos no Rio de Janeiro, o CPL surge com a missão de tornar a programação da televisão acessível a esse público em especial. O projeto recebeu o patrocínio de Furnas, Centrais Elétricas do Rio de Janeiro.

O CPL é a produtora pioneira no Brasil na produção do closed caption offline, utilizado em programas gravados, tendo produzido em 1998 o primeiro programa da televisão brasileira a fazer uso dessa tecnologia inovadora, o TELECURSO 2000 – Versão Legendada.

Desde 2000, presta serviço para a Divisão de Cinema da Rede Globo de Televisão, sendo responsável pela produção de closed caption em diversos filmes, seriados e desenhos animados da emissora. A partir de 2004, tornou-se parceiro da ARPEF, do Banco do Brasil e da Petrobras em projetos de acessibilidade voltados para a cultura nacional através do cinema.

Em 2007, buscando focar e incluir novas soluções que se tornaram relevantes para seus clientes, o ampliou seu leque de serviços, passando a oferecer o recurso da audiodescrição, concebido para pessoas com deficiência visual parcial ou total. E, em 2008, o CPL também disponibilizou para seus clientes o serviço de closed caption online, tecnologia utilizada em programas ao vivo, fazendo uso de sistema baseado em reconhecimento de voz.

Áreas de atuação
  •  
    Televisão
  •  
    Cinema
  •  
    Espetáculos teatrais
  •  
    Fornecimento de tecnologia
  •  
    Exposições artísticas
Saiba mais
Leis

Projeto de Lei 3.979: versa exclusivamente sobre a obrigatoriedade do closed caption, do Senador Lúcio Alcântara;

Lei 10.098, do Direito à Acessibilidade aos deficientes, sendo a Norma Complementar aprovada em 28 de junho de 2006, exige a obrigatoriedade do uso de legenda oculta, dentre outros recursos de acessibilidade, em programas de televisão;

Decreto 5.296: Regulamenta as Leis nos 10.048, de 8 de novembro de 2000, que prioriza o atendimento as pessoas que especifica, e Lei 10.098, de 19 de dezembro de 2000, que estabelece normas gerais e critérios básicos para a promoção da acessibilidade das pessoas com deficiência ou com mobilidade reduzida, além de outras providências;

Mais informações:
LIBRAS

A Língua Brasileira de Sinais (LIBRAS) é reconhecida oficialmente em território nacional como a língua que atende de forma mais natural e efetiva a comunicação do surdo.

Os sinais – instituídos como sistema de linguagem – são criados por meio da combinação de diferentes configurações das mãos, movimentos e de pontos de articulação no espaço ou no próprio corpo. O sistema de LIBRAS faz uso também do alfabeto datilológico e de expressões faciais e corporais na sua execução.

Para permitir a compreensão do que está sendo transmitido pela televisão, algumas emissoras ou programas específicos passaram a utilizar a “Janela de LIBRAS” como uma alternativa de informação.

Audiodescrição

A audiodescrição é um recurso destinado a pessoas com deficiência visual. Essa tecnologia se compõe do detalhamento de cenas retratando os ambientes, descrição dos personagens, narração das ações não faladas de um programa, filme ou peça teatral. Com esse recurso se busca tornar o mais preciso possível a descrição de todas as informações consideradas relevantes, objetivando oferecer ao deficiente visual parcial ou total um perfeito entendimento do programa que está sendo exibido, estabelecendo-se, assim, autonomia para o usuário desse recurso, sem que seja preciso o apoio de outra pessoa.

É possível realizar a audiodescrição ao vivo, por meio da narração em paralelo e simultaneamente à exibição do programa, filme ou peça teatral. Há também a possibilidade dessa tecnologia ser pós-produzida, no caso de filmes e programas gravados de televisão. Para que esse processo ocorra, deverá ser utilizado um software específico em que toda a narração, a partir do roteiro previamente elaborado, será gravada e inserida em um tempo exato.

O que é

O closed caption – legenda oculta – é um sistema de transmissão de legenda criado para possibilitar que as pessoas com deficiência auditiva tenham acesso à comunicação veiculada na televisão, em vídeo e DVD.

Existem dois tipos de legenda oculta e tecnologias distintas para a sua produção:

Online ou em tempo real, recomendada para programas ao vivo, jornalísticos, esportivos etc., sendo esta produzida por meio da estenotipia ou softwares de reconhecimento de voz;

Offline ou pós-produzida, recomendada para programas gravados, filmes, novelas etc., que faz uso de softwares específicos.

O tempo para produção de legenda e a tecnologia utilizada diferenciam os sistemas online e offline. A legenda produzida em tempo real (online) transcreve apenas as informações literais, enquanto na pós-produzida (offline), a legenda funciona como o áudio do programa, informando “o quê” está sendo escutado e “como”. Pode ser trabalhada a partir de diversos recursos: otimização do tempo; uso de legendas múltiplas; posicionamento das legendas sobre os falantes; edição de texto; e transcrição de informações não literais (ruídos diversos, trilha sonora, melhor descrição sobre as características da comunicação que está sendo estabelecida).

É essencial abordar cada detalhe referente à informação quando se trata de pessoas surdas ou com algum grau de deficiência auditiva, pois somente fazendo uso desses recursos “extras” elas serão capazes de um perfeito entendimento da mensagem.

De acordo com o Censo 2010, 45.606.048 de brasileiros possuem algum tipo de deficiência, sendo que 18,6% da população de nosso país apresenta algum tipo de deficiência visual e 5,10% auditiva.

Benefícios

Por ser uma ferramenta de inclusão social e acessibilidade, permite às pessoas com deficiência auditiva parcial ou total o acesso à informação e contribui efetivamente para o aprendizado da língua escrita.

Atende a diversos segmentos da sociedade provendo acesso à informação quando não existe acesso ao áudio por motivo de qualquer natureza.

Possibilita o entendimento da informação em locais que o som da televisão esteja inaudível, como aeroportos, academias de ginástica, bares e restaurantes, hospitais etc.

Melhora o domínio da língua, auxiliando adultos e crianças em fase de alfabetização, além de estrangeiros que estejam aprendendo português.

Clientes
  • Rede Globo
  • Multishow
  • BIS
  • TV Brasil
  • TV Escola
  • Canal Brasil
  • TV Jangadeiros
  • NordesTV
  • TV Aparecida
  • TV União
  • TV Cidade Verde
  • TV Jornal
  • Rede Estação
  • Rede Gênesis
  • PUC TV
  • Centro Cultural Banco do Brasil
  • Petrobras
  • Manufatura Brasil
  • Hotel Copacabana Palace
  • Cennarium
  • Souza Cruz
  • Soluções Sustentáveis
  • Technip
  • Audiocorp
  • Link Digital
  • Conspiração Filmes
  • Videoshack
  • Playarte
  • CaradeCão
  • Proview Produções
  • Tycoon Estúdios
  • Head Propaganda
  • Miração Filmes
  • Matrioska
  • Diler & Associados
  • Lagoa Produções
  • Morena Filmes
  • VídeoFilmes
  • Riofilme
  • Youle
  • LSB Vídeo
  • Editora Arara Azul
  • Yes Filmes
  • SM Produções
  • Aquarela Filmes
  • Pave Comunicação
  • Conteúdo Digital
  • Ciranda Filmes
  • Cinerama Brasilis
  • LC Barreto
  • Urso Filmes
  • Midia Effects
  • Lícias Finalização
  • Fenícios Comunicação
  • Link Propaganda
  • ARPEF
  • ACERP
  • ADVERJ
  • Fundação Roberto Marinho
  • Instituto Desiderata
  • Refazer
  • Escola de Gente
  • Centro de Estudos de Políticas Públicas
  • Instituto Muito Especial
  • UFF
  • Campanha “Legenda Nacional”
  • Mostra Anima Mundi
  • Dia Internacional da Animação - D.I.A.
  • Festival de Gramado